FIB 24
MP - BA

Documentário do MP da Bahia leva prêmio nacional de comunicação e justiça

Foto: Reprodução/MP - BA O documentário “Não menos estimado, Dr. Brasil - um promotor negro no MP da Bahia” conquistou a primeira colocação na cat...

22/06/2024 16h57
Por: Redação
Fonte: MP - BA

Foto: Reprodução/MP - BA
Foto: Reprodução/MP - BA
O documentário “Não menos estimado, Dr. Brasil - um promotor negro no MP da Bahia” conquistou a primeira colocação na categoria mídia audiovisual do ‘Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça’. Ele concorreu com 31 projetos inscritos. A premiação é uma iniciativa do Fórum Nacional de Comunicação e Justiça (FNCJ) e foi concedida durante a cerimônia de encerramento, realizada na noite de ontem, dia 21, do ‘XVIII Congresso Brasileiro dos Assessores de Comunicação do Sistema de Justiça' (Conbrascom), que aconteceu em Fortaleza de 19 a 21 de junho.

Veja o documentário na íntegra.

O MP baiano também foi finalista na categoria mídia social e alcançou o segundo lugar com a campanha “Pacto Nacional pela Consciência Vacinal”, que concorreu com 42 projetos. O troféu e certificados foram recebidos pela coordenadora da Coordenadoria de Comunicação Social do MP (Cecom), Daniela Cairo.

Foto: Reprodução/MP - BA
Foto: Reprodução/MP - BA

O ‘Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça’ teve um total de 340 projetos inscritos. Ele tem o objetivo de reconhecer e valorizar as ações voltadas ao desenvolvimento da cidadania e à inclusão social, de autoria das assessorias de comunicação social dos órgãos do Sistema de Justiça (Poder Judiciário, Ministério Público, Defensoria Pública e Ordem dos Advogados do Brasil), Tribunais de Contas e instituições afins.

'Não menos estimado, Dr. Brasil'

O documentário “Não menos estimado, Dr. Brasil - um promotor negro no MP da Bahia” apresenta a trajetória de Theodomiro Brasil, que atuou no MP baiano entre os anos de 1945 e 1970. Pobre, negro e filho de pessoas humildes, ele foi adotado por um juiz de Direito e teve acesso à educação, chegando ao cargo de promotor. O documentário traz depoimentos de familiares, amigos e membros do MP e foi produzido editado entre 2021 e 2023, pela equipe da Unidade de Audiovisual, vinculada à Assessoria de Imprensa da Cecom.

O produto é resultado de uma pesquisa desenvolvida por integrantes do Grupo de Estudos e Pesquisa sobre Racismo (GEPR), da Unidade de Fomento à Pesquisa e Inovação (UFPCI) do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (Ceaf) do MP. A pesquisa foi realizada por George Brito, Laila Beirão, Manuela Damaceno e Miguel Soares, sob coordenação dos promotores de Justiça Lívia Sant’Ana Vaz e Saulo Mattos, coordenadores do GEPR. A pesquisa teve também o objetivo de debater a memória institucional e trazer a trajetória de pessoas negras que construíram o MP ao longo do tempo.

'Pacto Nacional pela Consciência Vacinal'

Foto: Reprodução/MP - BA
Foto: Reprodução/MP - BA
Já o “Pacto Nacional pela Consciência Vacinal”, que é uma ação do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) lançada em novembro de 2022, foi abraçado pelo MP da Bahia. Em 2023, a Instituição usou suas redes sociais para sensibilizar e conscientizar a população sobre a importância das vacinas. O MP fez campanha para contribuir com o aumento dos índices de vacinação na Bahia e no Brasil, reforçando o compromisso que a vacinação pode salvar vidas. A campanha teve a participação de artistas e influenciadores do estado para reforçar o compromisso com a mobilização que teve o lema ‘juntos podemos garantir um futuro mais saudável para todos’.

Ele1 - Criar site de notícias